Daimler mostra conectividade, eficiência e segurança

27/09/2016 às 1:36 - Atualizado em 05/10/2016 às 9:51

caminhao_MERCEDES-2

O “Urban eTruck” da Mercedes-Benz, o “Future Bus” e a “Vision Van” já proporcionaram visões do futuro do transporte às vésperas do IAA 2016 – Salão de Veículos Comerciais de Hanover (Alemanha) –, maior evento do setor no mundo. Agora, com grande número de novos produtos e serviços, as marcas de veículos comerciais do Grupo Daimler estiveram ressaltando, na 66ª edição no evento, entre 22 e 29 de setembro, o seu papel de pioneirismo nas áreas da conectividade, eficiência e segurança para o aqui e o agora. Todas as novas soluções trazem ganhos de economia para os clientes em seus negócios do dia a dia do transporte.

Dr. Wolfgang Bernhard, membro do Conselho de Administração da Daimler AG e responsável pela Daimler Trucks e Daimler Buses: “Nós entregamos – este é o nosso slogan para o IAA 2016. Apresentamos muitos itens pioneiros na indústria que fazem nossos veículos ainda mais eficientes e seguros. E oferecemos aos nossos clientes serviços de conectividade que tornam a vida profissional mais fácil e aumentam significativamente a disponibilidade de nossos caminhões. Ao mesmo tempo, estamos abrindo as portas de uma nova era: a e-mobility para áreas urbanas”.

Novos sistemas de propulsão para veículos em série

Para longas distâncias, entretanto, a propulsão exclusivamente elétrica não será o sistema preferido no futuro previsível – os caminhões e ônibus com motores diesel continuarão a ser usados para tais aplicações. Esses motores altamente eficientes estão sendo continuamente aprimorados na Daimler Trucks e na Daimler Buses. A última geração do motor pesado compacto OM 470, por exemplo, é ainda mais econômica e tem uma taxa de emissões ainda mais baixa, combinada com o aprimoramento completo de desempenho.

No caminhão Actros com motor OM 470 de 6 cilindros, as modificações do motor e do trem de força levaram a uma redução de até 5% no consumo de combustível. Como resultado dessa e de outras medidas, o consumo do Actros c
om o motor pesado OM 471 ficou até 6% menor. Comparado com seu predecessor de 2011, o consumo de combustível do Actros é até 15% menor, devido a vários outros desenvolvimentos. Este motor proporciona menores emissões e assegura economia também para os operadores de ônibus: ele reduz o consumo em até 1,5% em ônibus rodoviários e 2,4% em ônibus interurbanos, além de cerca de 2% no modelo Citaro G.

O Mercedes-Benz Citaro NGT, com motor a gás natural M 936, está fazendo sua estreia no IAA. Ele apresenta baixos níveis de ruído e de emissões de CO2 e se caracteriza por baixo peso, grande número de assentos, alta potência e baixo consumo de combustível, juntamente com longos intervalos de manutenção. Além disso, oferece muitas vantagens significativas para uso em áreas urbanas com trânsito pesado. Tais ônibus podem rodar com gás natural ou com biogás, que é quase neutro quanto o CO2. Os argumentos a favor do Citaro NGT são convincentes. Já há encomendas expressivas deste ônibus sendo recebidas das cidades de Madri e Augsburg.

Sistemas de segurança para veículos comerciais pesados – pela primeira vez com reconhecimento de pessoas

Com o “SideGuard Assist” e o ABA 4 (Active Brake Assist ou Assistência Ativa de Frenagem), estão sendo lançados avançados sistemas de segurança dos caminhões Mercedes-Benz que visam proteger os usuários das estradas e, principalmente, pedestres e ciclistas. Esses sistemas de segurança podem ser encomendados para caminhões da marca Mercedes-Benz a partir do IAA.

O “SideGuard Assist” é o primeiro sistema de assistência do mercado que faz com que os motoristas de caminhão, quando decidem mudar de pista,  estejam cientes da presença de pedestres e ciclistas, representando assim uma significativa contribuição para a segurança do trânsito urbano. A Associação do Setor de Seguros da Alemanha (GDV) considera que, no futuro, o “SideGuard Assist” poderá ajudar a evitar aproximadamente metade do total de acidentes envolvendo caminhões e pedestres ou ciclistas.

O ABA 4 é o primeiro sistema de frenagem emergencial de caminhão que pode reduzir significativamente o risco de acidentes com pedestres na cidades. O novo ABA 4 consegue reconhecer os pedestres que estão cruzando a via. Neste caso, o sistema dá início a uma frenagem parcial autonomamente. Enquanto o ABA 3, de forma automática, freia totalmente o caminhão se detectar obstáculos móveis ou parado
s, tais como veículos se movendo vagarosamente ou o final de uma fila descongestionamento.

caminhao_MERCEDES-1

caminhao_MERCEDES-3