Mobilidade total

28/06/2016 às 6:35 - Atualizado em 28/06/2016 às 9:45

Mais do que máquinas, a empresa conta com funcionários altamente especializados

Tudo é simples depois que a gente vê. A Librelato desenvolveu um sistema de engate que permite manobras em espaço reduzido e descarga da carreta sem desengate.

A melhor maneira para superar uma fase difícil é investir e se preparar para um futuro. A Librelato se preparou para 2016 com cautela e otimismo. “Nesse ano colocamos nosso time na rua, para prospectar o mercado e atender nossos clientes. Estamos fazendo eventos de lançamento com a engenharia de produto, pesquisas e desenvolvimento”, afirmou José Carlos Spricigo, CEO da Librelato. “Fomos atrás de redução de peso para trazer maior competitividade ao nosso transportador que passou esse ano com dificuldades com os aumentos do óleo diesel e dos impostos que estão ameaçando vir. O Governo atrapalha a economia porque não faz o dever de casa e os empresários precisam arrumar um jeito para não quebrarem”.

Para tentar uma compensação em um mercado nacional de 60 mil implementos, a Librelato está tentando exportar e já está em conversação com Cuba, República Dominicana e Panamá e África falando com Camarões.

Linha completa

E as equipes da Librelato que foram às ruas, trouxeram informações valiosas para o corpo de engenharia que conseguiu fazer um produto alinhado com as necessidades do transportador. O resultado foi apresentado a um grupo de jornalistas, em Laguna, SC, antes da Fenatran. Entre eles se destacava o semirreboque mais leve do Brasil. Tem resistência 40 % maior a dos semirreboques feitos com compensados, perfeita vedação da caixa de cargas. Será uma série especial com diferenciais que trarão muita rentabilidade com 7.600 quilos, o equipamento mais leve do Brasil.

A Librelato também mostrou a Linha Premium com os semirreboques basculantes. Semirreboque com três eixos juntos e os três eixos espaçados.

Além disso, a empresa desenvolveu novas matérias-primas, tecnologia com materiais com alta resistência utilizando aços especiais, maior segurança no basculamento e melhor aerodinâmica. Os perfis laterais foram melhorados com a aerodinâmica proporcionando melhor performance do produto. Tudo isso resulta em economia de combustível.

O semirreboque com três eixos distanciados é o mais leve do mercado, segundo Júlio Mendes, engenheiro de produto da Librelato. Isso resulta em um ganho de carga líquida de 1100 kg por viagem.

Mas a grande novidade da Librelato é um sistema de engate utilizado no rodotrem desenvolvido em conjunto com uma empresa austríaca. Esse engate oferece maior segurança e baixo custo de manutenção, engate esférico com inclinação de 30% em todos os sentidos, giro lateral de 65% superior a todos os engates do mercado.

Ele permite a descarga da carreta dianteira, sem desatrelar a carreta traseira, o que significa agilidade na descarga.

Em parceria com uma empresa espanhola, a Librelato desenvolveu um rodotrem com a caixa de carga toda em alumínio ganhando 2.600 de carga líquida, proporcionando leveza e resistência à corrosão, por exemplo, do sal. E além de tudo isso, ser um material reciclável.

Para o ramo de bebidas, a empresa desenvolveu o semirreboque sider com capacidade de 28 paletes. O sistema é prático e seguro com a amarração da carga feita com um equipamento de trava pneumática. Os cantos do semirreboque são redondos, com um ganho em aerodinâmica.

Na linha florestal, a Librelato tem uma linha completa de produtos como o semirreboque com alta tecnologia, mais leve e robusto para diversas aplicações. Ele chega a ser 30% mais leve do que um produto similar feito com aço comum.

No caso do semirreboque tanque para 62 mil litros, a empresa conseguiu uma redução de 15.700 quilos, com uma maior capacidade de carga. Pode transportar 62 mil litros de gasolina, 61 mil litros de álcool e 58 mil litros de diesel, um ganho de 2 mil litros.

“Conseguimos reduzir a tara do equipamento permitindo maior capacidade de carga”, explicou Júlio Mendes, engenheiro de produto. “Nosso semirreboque carrega tudo também ficou mais leve e mais robusto. Uma rampa traseira permite mais facilidade de aceso. O acionamento eletro-hidráulico.

Na área de limpeza urbana, a Librelato oferece o coletor compactador com a maior capacidade de carga, 2,4 m3, com maior vida útil dos componentes com patins que dispensa lubrificação reduzindo a manutenção e maior disponibilidade. Estão disponíveis nas capacidades de 13,5, 15, 19 e 21 m3.

Também oferece o coletor compactador com carregamento traseiro e aparelho de coleta lateral. O operador aciona um botão uma vez e o ciclo é todo automático na captura da caçamba de lixo. A Librelato é a única fabricante do coletor lateral.

E para facilitar o sistema de descarga ela desenvolveu um sistema de piso móvel que permite descarregar o produto sem ter de bascular o equipamento. O produto é “empurrado” para fora.

Fique por dentro de todas as novidades da Revista Caminhoneiro!